Alunos da Apadevi vivenciam rica experiência sensorial na Expo Umuarama

Os alunos da Associação dos Pais e Amigos dos Deficientes Visuais (Apadevi) visitaram a 45ª Expo Umuarama/18ª Internacional e participaram de uma rica experiência.

Renato Cardoso perdeu a visão há pouco mais de dois anos, por conta de um AVC. Acostumado à lida com animais, ele é um exemplo de superação. "Muitas vezes as pessoas têm algo e se entregam. Mas, querendo, a gente pode. Com auxílio, podemos viver sensações como essa. É algo diferente", avalia.

Artur, de nove anos, disse ter perdido o medo de bois. "Eu tinha um pouco, mas passou", conta.

Cleusa Sgorlon declarou sua paixão pelos animais, entoando, com afinação, o clássico sertanejo Boiadeiro Errante."Eu amo. Até tirei uma foto ao lado de um dos bois. Foi maravilhoso", pontuou.

Embora privados da visão, a oportunidade de visitar a Expo Umuarama propiciou um roteiro sensorial embasado nos demais sentidos: tato, olfato, paladar e audição. Muito válida e intensa, na avaliação da professora de educação especial Rosana Rodrigues.

"A Fazendinha, o jardim sensorial, os animais. Tudo foi muito rico, um aprendizado que gera desenvolvimento não apenas escolar, mas humano", ressalta. 



Ingresso Online (current)